UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA ACOLHE A 2ª FORMAÇÃO TÉCNICA DO PROJETO TERMINOLOGIAS CIENTÍFICAS E TÉCNICAS COMUNS (TCTC) DA LÍNGUA PORTUGUESA

O Instituto Internacional da Língua Portuguesa realiza (IILP), de 22 a 26 de novembro, a 2ª Formação Técnica do projeto Terminologias Científicas e Técnicas Comuns (TCTC) da Língua Portuguesa destinada a representantes dos Estados-Membros da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) e acontece na sequência da 1ª Formação Técnica, que decorreu em Lisboa de 26 a 29 de junho de 2017.

A Universidade de Brasília (FINATEC) acolhe este curso, que conta também com a importante colaboração do Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

A sessão de abertura ocorreu no dia 22 de novembro e iniciou com a fala da Decana Rozana Naves Reigota, em representação da Magnífica Reitora da Universidade de Brasília, Márcia Abrahão Moura, que ressaltou a importância do evento para os países de língua portuguesa e para as políticas linguísticas voltadas para a língua portuguesa. Acrescentou ainda que é necessário pensar a língua portuguesa e o seu valor nesse mundo cada vez mais multilingue e multicultural.

Por sua vez, o Diretor Executivo do IILP, Incanha Intumbo, relevou a importância da atividade, na medida em que se está a dar continuidade às ações de criação de recursos essenciais para a internacionalização e fortalecimento da Língua Portuguesa como língua de negócios e para o apoio à tradução, num momento especialmente de grande procura e expansão dessa língua.

Nelson Viana, presidente da Comissão Nacional do Brasil para o IILP, iniciou a sua fala citando Carlos Alberto Faraco: “O IILP é uma grande invenção, pois a língua portuguesa nunca teve uma gestão centralizada de suas questões. A formulação de políticas voltadas para a língua sempre esteve a cargo de cada país, o que levou a um cenário muito fragmentado. O IILP aproveita a tradição de gestão descentralizada do idioma, mas traz o debate sobre a língua para um foro multilateral. Nós continuamos não tendo um único centro formulador de políticas para a língua, o que é muito positivo, mas temos, agora, um foro de coordenação.”

Complementando a citação, Nelson Viana destacou que o IILP é um fórum de coordenação para a promoção e difusão da Língua Portuguesa e é nessa perspetiva que esta formação está a ser desenvolvida, sendo uma atividade académica relevante e estando ancorada em políticas linguística concertada dos países da CPLP.

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Notícia. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s