ESCRITOR JOSÉ EDUARDO AGUALUSA NO FESTIVAL LITERÁRIO DE MACAU

O escritor José Eduardo Agualusa vai participar na 10.ª edição do Festival Literário de Macau, evento que dará ainda destaque à escritora macaense Deolinda da Conceição, uma das principais figuras culturais lusófonas de Macau nos anos de 1950.

Escritor José Eduardo Agualusa no Festival Literário de Macau

O Festival Literário de Macau — Rota das Letras, que decorre de 03 a 05 de dezembro maioritariamente na Casa Garden (sede da fundação da Fundação do Oriente de Macau), tem como tema de abertura “Deolinda da Conceição e o papel da mulher na literatura e na sociedade de Macau”.

“O Rota das Letras leva ao palco principal do evento escritores, académicos e tradutores para celebrarem a sua vida e obra, e apresenta uma performance construída em torno do seu livro de contos ‘A Cabaia’ — uma produção do grupo de teatro experimental Artistry of Wind Box, com espetáculos marcados para os dias 04 e 05 na Galeria da Livraria Portuguesa”, indicou, em comunicado, a organização do festival.

Vai ser também celebrado o segundo centenário da primeira tradução da Bíblia para chinês, no qual será recordado o reverendo Robert Morrison, “principal mentor do projeto”.

O destaque, contudo, vai para o escritor, jornalista e editor angolano de ascendência portuguesa e brasileira José Eduardo Agualusa que, apesar de via ‘online’, falará do “Paraíso e de Outros Infernos”, um “livro de crónicas que, pela mão do Festival Literário, vai passar agora a ter edições em chinês e inglês”.

Também ‘via Internet’, João Morgado apresenta os “Conto de Macau”, que “resulta da anterior passagem do escritor pelo Festival Rota das Letras, em 2017”, lê-se na mesma nota.

No festival do antigo território administrado por Portugal serão ainda lançado as obras “O Tempo e o Vento”, um livro de poemas de Fernando Sales Lopes, “Erosão”, a poesia de Gisela Casimiro em edição bilingue (português e chinês), e “Nada te Morre”, um conto de Maria Paula Monteiro, também em português em chinês.

Entre o variado programa, a literatura infantil não será esquecida: Jojo Wong, vice-presidente da associação Outersky Poets, fará um ‘workshop’.


Fonte: Sapo 24

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Notícia. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s