MUSEU DA LÍNGUA PORTUGUESA PARTICIPA DE FESTIVAL DE POESIA DE LEIRIA EM PORTUGAL

Instituição promove o bate-papo entre os escritores Marília Garcia, Rafael Zacca e Matilde Campilho nesta sexta-feira, dia 19, a partir das 19h, no Facebook.

Marília Garcia, poeta e tradutora, autora de livros como “20 poemas para o seu walkman”e “Câmera lenta” participa de encontro virtual nesta sexta-feira

Nesta sexta-feira, dia 19, a partir das 19h, o Museu da Língua Portuguesa exibe em sua página no Facebook um bate-papo entre os escritores brasileiros Marília Garcia e Rafael Zacca e a portuguesa Matilde Campilho. A conversa integra a programação do Ronda, Festival de Poesia de Leiria (Portugal), e é uma parceria da Câmara de Leiria, que organiza o evento, e o museu brasileiro, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa de São Paulo.

No bate-papo, chamado de “Cantar De Volta, Mesmo Que O Canto Seja Ruidoso”, Campilho conduz uma entrevista com Garcia e Zacca, que falam sobre suas produções literárias, as inspirações e comentam também o momento de isolamento social neste contexto da pandemia de Covid-19.  

Matilde Campilho é poeta e mora em Lisboa. Ela é autora dos livros “Jóquei” e “Flecha” e assina poemas e textos em diversos jornais e revistas, entre eles Público, de Portugal, e O Globo e Folha de S.Paulo.

Marília Garcia é poeta e tradutora, autora de livros como “20 poemas para o seu walkman” (Cosac Naify/ 7letras, 2007) e “Câmera lenta” (Companhia das Letras, 2017), pelo qual ganhou o Prêmio Oceanos de Literatura (2018).

E Rafael Zacca é poeta e crítico, professor no departamento de Filosofia da PUC-Rio e autor de “O menor amor do mundo” (7Letras, 2020), “A estreita artéria das coisas” (Garupa, 2018) e “Mini Marx” (7Letras, 2016). 

O Ronda, Festival de Poesia de Leiria, que neste ano é realizado em formato virtual, reúne mais de 200 convidados, de 40 países, em entrevistas, conferências, debates, workshops, vídeo-poemas, espetáculos musicais e performances poéticas.

Sobre o Museu da Língua Portuguesa – A reconstrução do Museu da Língua Portuguesa é uma iniciativa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, concebido e realizado em parceria com a Fundação Roberto Marinho. Tem como patrocinador máster a EDP Brasil, como patrocinadores o Grupo Globo, Grupo Itaú Unibanco e Sabesp e apoio da Fundação Calouste Gulbenkian e do Governo Federal, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.


Fonte: Correio do Povo

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Notícia. ligação permanente.

Uma resposta a MUSEU DA LÍNGUA PORTUGUESA PARTICIPA DE FESTIVAL DE POESIA DE LEIRIA EM PORTUGAL

  1. geolingua diz:

    Parabéns pela iniciativa do Museu da Língua Portuguesa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s