HAITIANOS APRENDEM LÍNGUA PORTUGUESA EM JARAGUÁ DO SUL

Divulgação/As reuniões ocorrem uma vez por mês e tratam sobre o aprendizado da língua portuguesa, da escolarização e da profissionalização para inserção no mercado de trabalho

Ajudar os haitianos a compreenderem o idioma brasileiro. Com essa proposta são realizados encontros no Centro de Referência e Assistência Social (Cras) da Ilha da Figueira, em Jaraguá do Sul. A iniciativa faz parte do Programa de Atenção Integral à Família (Paif) e é realizada uma vez por mês.

De acordo com a psicóloga Kitiane Ulrich, as reuniões surgiram por conta da dificuldade de comunicação. “Muitos deles não compreendiam o que os técnicos do Cras falavam e então este encontro serve como um momento facilitador, com tradução e outras formas de comunicação”, explica a psicóloga.

As reuniões mensais ocorrem sempre na primeira sexta-feira de cada mês. Todos passam pelo atendimento de uma equipe composta por assistentes sociais, pedagoga e psicóloga, com atividades traduzidas para o francês, idioma oficial do Haiti.

As conversas refletem sobre a importância do aprendizado da língua portuguesa, da escolarização e da profissionalização para inserção no mercado de trabalho, um dos objetivos dos haitianos no país. Também são trabalhados temas sobre proteção e prevenção a violações de direitos, relacionamentos sociais e familiares. Há, também, um rico intercâmbio cultural e reflexões sobre diferenças e semelhanças entre Brasil e Haiti.

Haitianos com mais tempo no Brasil e com menos dificuldade de entendimento da língua portuguesa, que necessitam do trabalho do Cras, são encaixados nos encontros semanais, juntamente com os Brasileiros, de acordo com a idade. Nestes casos, a programação ocorre por conta do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).

Capacitação para produtores rurais

Já estão abertas as inscrições para os cursos gratuitos direcionados a produtores rurais de Joinville. Nesse mês as capacitações serão nas áreas de Derivados do Leite, Tratores e Implementos Agrícolas – Operação e Manutenção e Comercialização na Propriedade Rural. Nessa semana se inicia o primeiro curso de Comercialização na Propriedade Rural. Será de 8 e 9 de agosto.

Para participar é preciso ter idade mínima de 18 anos e ser produtor (a) ou trabalhador (a) rural. As inscrições devem ser feitas diretamente na Unidade de Desenvolvimento Rural, da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente.

As vagas são limitadas. Para os cursos que acontecem em período integral, o almoço não está incluído na programação e será de responsabilidade de cada participante. Mais informações pelos telefones (47) 3424-1188 / 3424-1177.

Os cursos são realizados em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de Joinville e com o SENAR/SC.


Fonte: NCS Total

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Notícia. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s