FESTIVAIS LITERÁRIOS UNEM VISEU E CABO VERDE

A Câmara de Viseu assinou recentemente com o Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas de Cabo Verde um protocolo de cooperação na matéria cultural.

Resultado de imagem para FESTIVAIS LITERÁRIOS UNEM VISEU E CABO VERDE

Segundo o município, a parceria passa a abranger a geminação dos seus festivais literárias e a abertura de um canal de contactos regulares nas áreas da valorização da língua e da literatura portuguesas, das trocas culturais e artísticas locais e na promoção dos seus destinos turísticos culturais e patrimoniais.

O acordo foi assinado no decorrer do Festival Literário Morabeza, que ocorreu no Centro Cultural do Mindelo na ilha de S. Vicente, pelo presidente da autarquia, Almeida Henriques, e pelo ministro da Cultura cabo-verdiano, Abraão Vicente. A geminação é com o festival Tinto no Branco, que se realiza em Viseu.

No âmbito deste documento também foi assegurada a participação do governante e do escritor conterrâneo Germano Almeida, que venceu este ano o Prémio Camões, na próxima edição do certame viseense, que decorre entre 7 e 9 de dezembro.

Em comunicado, a Câmara de Viseu sublinha que a celebração do acordo com a tutela cabo-verdiana foi o resultado de mais de meio ano de trabalho entre a vereação da Cultura da autarquia e o ministério homólogo.

Almeida Henriques salienta a “cooperação inédita” que, segundo o autarca, fortalece simultaneamente “os laços culturais da nossa comunidade lusófona e as nossas agendas de valorização e promoção das artes e da literatura”. “É uma ponte estratégica de solidariedade e de trocas”, acrescenta.

Já o vereador Jorge Sobrado, que esteve presente no Festival Literário Morabeza a moderar um debate sobre a importância dos festivais literários na promoção do livro e da leitura, refere que a geminação dos dois principais eventos do género em Viseu e em Cabo Verde representa “um passo muito importante” na sua internacionalização e na valorização dos dois territórios como destinos de turismo cultural e não exclui a possibilidade de serem celebradas mais parcerias em 2019.

A Câmara revela que as duas partes também realizaram encontros bilaterais naquele país africano e já estão a trabalhar noutras iniciativas de cooperação, que serão anunciadas em dezembro no âmbito da participação de Abraão Vicente no Tinto no Branco.


Fonte: Jornal do Centro

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Notícia. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s