Língua de Herança: educadores brasileiros lançam Carta de Florença e pedem apoio do governo no exterior

Resultado de imagem para elo europeu“É nosso desejo que os funcionários brasileiros nas Embaixadas e nos Consulados, tanto na Itália como nos outros países europeus referidos e que fazem parte do Elo Europeu de Educadores de POLH, olhem com carinho e atenção, com respeito e consideração para essas pessoas, iniciativas e grupos que se dedicam, na maior parte das vezes voluntariamente, ao ensino do POLH e ao fortalecimento da nossa cultura nos quatro cantos da Itália, da Europa e do mundo. O apoio, mesmo que não financeiro, a essas iniciativas por parte do Governo brasileiro, por intermédio de Embaixadas e Consulados, pode lhes dar força para crescerem e expandirem o seu trabalho, que em algumas vezes possuem apenas o apoio das prefeituras locais nos países em que atuam.” 

Este é um dos trechos da “Carta de Florença”, divulgada no final do encontro “POLH: a teoria do fazer – Oficinas de Ensino do Português como Língua de Herança”, que aconteceu no período de 7 a 9 de outubro na cidade de Florença, Itália. Saiba mais, clique aqui

 

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s