Projeto Haiti certifica 120 imigrantes em curso de Língua Portuguesa

Foto Fabiano Rodrigues - jornal O Pioneiro

Foto: Fabiano Rodrigues, jornal Pioneiro

O casal de haitianos Dieuly e Shella Laurore vive em Curitiba há seis meses.Vieram ao Brasil com os dois filhos tentar uma nova vida. O engenheiro civil e a professora estão em busca de trabalho e com boas expectativas de conseguir uma colocação no mercado a partir do certificado de conclusão do curso instrumental de língua portuguesa. O casal pertence ao grupo de 120 haitianos que será certificado hoje (27), em cerimônia no Centro de Formação Continuada de.

O curso faz parte do Projeto Haiti, desenvolvido pela Secretaria Municipal da Educação de Curitiba,capital do Paraná, por meio da Coordenadoria de Políticas Educacionais para Jovens e Adultos (Copeja). O objetivo do curso é promover a inclusão dos imigrantes por meio da oferta da Língua Portuguesa como instrumento de integração social.

De nível básico e carga horária de 60 horas, o curso inclui atividades cotidianas como elaboração de cadastro de emprego, mediações de entrevista, procedimentos necessários para emissão da carteira de trabalho, procura de emprego, expressões necessárias para comunicação em posto de saúde, pedidos de informação, operação bancária, aluguel de imóvel, compras e relacionamentos.

Durante o evento também haverá a exposição “Vozes do Haiti,” composta de textos e imagens produzidos pelos haitianos. São relatos das experiências vividas ao longo do Projeto Haiti; além da exibição do vídeo documentário “Saudade PON. TE para o Haiti”, produzido por Diego Baffi, da Faculdade de Artes do Paraná.

Está será a terceira turma certificada pelo Projeto Haiti, iniciado em 2013 para atender a elevada demanda de imigrantes que vinham do país em busca de melhores condições de vida. Mais de 500 haitianos já foram beneficiados com a formação. Os alunos certificados neste semestre iniciaram as aulas em março, nas escolas Germano Paciornick, no Boqueirão, Augusta Gluck Ribas, no Bairro Novo, Irati e Linneu Ferreira do Amaral, ambas no Cajuru.

Fonte: curitiba.gov.br

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s