Biblioteca e Centro de Documentação (BCD) da CPLP.

centro de documentação1A Biblioteca e Centro de Documentação (BCD)  da CPLP, situada  no Palácio Conde de Penafiel, no centro de Lisboa,  recebeu novas aquisições para o enriquecimento do seu fundo documental. São sete obras  que poderão ser consultadas  no local que possui salas de leitura de presença e espaço multimídia para consulta  do catálogo online sobre os seus vários domínios temáticos de estudo/interesse, onde se destaca o acesso à Base de dados LEGIS PALOP que reúne mais de 40 mil registros sobre legislação, jurisprudência, doutrina e documentos relativos aos cinco países africanos de língua portuguesa. Além disso, a BCD oferece um serviço de apoio e orientação na realização das pesquisas. Para contatar a BCB , acesse o Facebook ou por email documentacao@cplp.org

image004

Comunidade dos Países de Língua Portuguesa : cooperação / Instituto Português da Conjuntura Estratégica ; coord. Adriano Moreira. – Coimbra : Almedina, 2001. – 254, [1] p. : il. ; 23 cm

Resumo: Está em curso uma acelerada redefinição da teoria das fronteiras, porque os factos desvalorizaram a predominância das fronteiras geográficas que foram um valor essencial das soberanias clássicas. Deste modo a economia globaliza o mundo, sem atenção às fronteiras do passivo que produz, a segurança é desterritorializada pela disseminação dos poderes erráticos que multiplicam os objectivos e formas de atacar, muitas das sociedades com vocação nacional estão em trânsito para um modelo cosmopolita. As solidariedades culturais, a identificação de valores comuns de referência, avultam na pesquisa de uma renovada polemologia que procura definir as condições da paz no mundo de múltiplas vozes em que vivemos. A par de outras iniciativas, como a francofonia, a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), é uma das experiências válidas de acolhimento e reforço das solidariedades horizontais, neste caso na área dos 3 AA (Ásia, África, América Latina), que procuram superar as diferenças étnico-culturais, e até os conflitos históricos, pela reavaliação dos interesses e valores que apoiam uma acção conjunta a favor do desenvolvimento interno, e da presença solidária nos centros de diálogo, cooperação, e decisão internacionais.

Da lusitanidade à lusofonia / Fernando Cristóvão. - Coimbra : Almedina, 2008. - 249, [1] p. ; 23 cm

Da lusitanidade à lusofonia / Fernando Cristóvão. – Coimbra : Almedina, 2008. – 249, [1] p. ; 23 cm

Nós, portugueses, desde muito cedo, aspirámos a possuir um Império, e não tardámos a consegui-lo. Simultaneamente, porque era em nome dum Império que lutávamos, também sonhámos em acrescentar ao Império colonial, um outro, o da Fé católica. Foi esse o sonho do Quinto Império do Padre António Vieira, mas, para Fernando Pessoa e, antes dele, para o brasileiro Sílvio Romero, o verdadeiro Quinto Império devia ser o da cultura e da Língua Portuguesa, unindo os vários povos que a falassem. Agostinho da Silva era da mesma opinião, mas achava que hoje já não havia lugar para impérios, por isso, a esse Quinto Império chamamos hoje LUSOFONIA, isto é, a fala dos Lusos, ou seja, dos Portugueses. Em consequência, nós portugueses já não somos donos da nossa língua, mas seus condóminos, como os povos do Brasil e das antigas colónias de África. Deste modo, a Língua portuguesa passou da fase da Lusitanidade à da Lusofonia. É do ensino, difusão e patrimónios desta língua comum que se ocupa esta obra.

Dicionário temático da lusofonia / dir., coord. Fernando Cristóvão… [et al.]. - Lisboa : Texto Editores, 2007. – 974 p., a 2 colns, [16] p. il., 24 cm

Dicionário temático da lusofonia / dir., coord. Fernando Cristóvão… [et al.]. – Lisboa : Texto Editores, 2007. – 974 p., a 2 colns, [16] p. il., 24 cm

Resumo: Num único volume, com cerca de mil páginas, este dicionário, de tipo enciclopédico, faculta informação abundante e detalhada sobre os mais variados assuntos referentes aos oito países e às regiões da Lusofonia: Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

Desde os conceitos linguísticos fundamentais, às línguas faladas, passando pela “História”, “Geografia”, “Economia”, “Património”, “Arte”, “Literatura”, “Ensino e Investigação”, “Instituições”, “Religiões”, “Gastronomia”, “Usos e Costumes”, entre outros temas, este dicionário faculta ainda detalhes, pormenores e curiosidades acerca do quotidiano e da cultura dos oitos países que os identificam e particularizam.

Esta obra, ao apresentar, numa linguagem acessível a todos, os múltiplos laços afectivos, culturais, económicos e políticos que unem os oito países lusófonos, destina-se a um público abrangente, recomendando-se a sua consulta especializada por professores, estudantes, jornalistas, diplomatas, empresários e público em geral.

Bens ambientais OMC e o Brasil / Erika Almeida Watanabe Patriota. - Brasília : Fundação Alexandre Gusmão, 2013. - 452 p. ; 23 cm. - (CAE)

Bens ambientais OMC e o Brasil / Erika Almeida Watanabe Patriota. – Brasília : Fundação Alexandre Gusmão, 2013. – 452 p. ; 23 cm. – (CAE)

Resumo: O acordo alcançado em áreas específicas durante a 9ª Conferência Ministerial da OMC, realizada em Bali, em dezembro de 2013, abriu a possibilidade para a retomada das negociações da Rodada Doha, que se encontrava paralisada desde 2008. Dada a sua crescente importância económico-comercial, um próximo pacote de resultados poderá contemplar a liberalização de sector que vem ganhando espaço na agenda internacionais: o dos “bens materiais”. A liberalização pela OMC do comércio destes bens poderá ter implicações concretas sobre as futuras políticas brasileiras para as áreas industrial e comercial.

Interculturalismo e cidadania em espaços lusófonos / Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses ; coord. Maria Beatriz Rocha-Trindade. - Mem Martins : Europa-América, cop. 1998. - 183 p. : il. ; 23 cm. - (Cursos da Arrabida  ; 05)

Interculturalismo e cidadania em espaços lusófonos / Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses ; coord. Maria Beatriz Rocha-Trindade. – Mem Martins : Europa-América, cop. 1998. – 183 p. : il. ; 23 cm. – (Cursos da Arrabida ; 05)

Resumo: Alguns dos mais significativos Cursos da Arrábida, organizados anualmente pela Comissão Nacional para as comemorações dos descobrimentos portugueses, estão agora a ser divulgados em livro. Iniciados em 1992, estes encontros têm reunido anualmente, em torno de temas muito variados, grandes especialistas de todas as áreas.

Lusofonia e CPLP : desafios na globalização : «ângulos e vértices ou defeitos & virtudes» de um processo intemporal / António Bondoso - [Lisboa]: [S.n.], 2013. – [200 p]. : il. ; 30 cm

Lusofonia e CPLP : desafios na globalização : «ângulos e vértices ou defeitos & virtudes» de um processo intemporal / António Bondoso – [Lisboa]: [S.n.], 2013. – [200 p]. : il. ; 30 cm

Resumo: A obra, analisa os desafios e as oportunidades que se colocam à CPLP e à Lusofonia no mundo globalizado, salientando que é fundamental considerar a língua e a sua expansão como um investimento decisivo para o futuro, não só de Portugal como de todos os Estados-membros da CPLP e das suas comunidades espalhadas pelo mundo. Unindo continentes e mares, pode formar-se uma vasta rede de interesses comuns.

image014

Anais do II encontro de escritores de língua portuguesa : literatura e lusofonia / Encontro de… ; coord. Ana Maria Cascudo Barreto. – Natal : União das cidades capitais de língua portuguesa, 2013. – 260 p. : il., fot. ; 23 cm

Resumo: O livro engloba 23 textos organizados em três capítulos, segundo os temas do II EELP: a Poesia Escrita para Música, o Estado e a Evolução da Língua Portuguesa e a Literatura de Viagens. Para além da diversidade de origens geográficas, etárias, e de níveis de notoriedade dos respetivos escritores, a maior riqueza deste livro consiste nas suas diferentes perspetivas e reflexões, seja abrangendo um único ou em vários domínios num mesmo texto, do poético ao histórico e do académico ao literário. São 24 autores dos cinco continentes onde se fala o Português e que permitem aprofundar e levantar novas questões sobre as temáticas discutidas.

 

Anúncios

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s