Missão do Instituto Internacional da Língua Portuguesa em Timor- Leste.

iilp-sem-bitmapDesde o dia 17 de fevereiro está em Dili, a convite do governo timorense, uma missão do Instituto Internacional da Língua Portuguesa, integrada pelo diretor executivo e membros das Equipes Centrais dos projetos VOC – Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa e PPPLE – Portal do Professor de Português. A missão insere-se no contexto da assunção do país à presidência da CPLP, o que deverá acontecer em julho do corrente, a partir da Cimeira dos Chefes de Estado e de Governo da CPLP.

Entre outros objetivos, a missão pretende colaborar para a conclusão e validação do Vocabulário Ortográfico Nacional de Timor-Leste (VON-TL), que será o quarto instrumento nacional integrado à base do Vocabulário Ortográfico Comum, que conta já com os VONs brasileiro, moçambicano e português.

A equipe do VON-TL é constituída por especialistas do Instituto Nacional de Linguística de Timor-Leste que analisam, para a constituição do VON-TL, listas de palavras do português timorense de diferentes fontes. Além disso, um importante acervo de toponínima timorense, de todos os níveis administrativos do país, estão a ser preparados para a inclusão no vocabulário. Antes da partida para Timor-Leste o diretor executivo do IILP enviou, às coordenações das Comissões Nacionais do Instituto, o acesso a uma nova versão do VOC, já modificada em relação àquela apresentada durante a II. Conferência Internacional sobre o Futuro do Português no Sistema Mundial, que ocorreu em Lisboa em outubro de 2013. Avança igualmente o Portal do Professor de Português (PPPLE) com o trabalho de 18 professores timorenses da Universidade Nacional de Timor-Leste (UNTL) e do Instituto Nacional de Formação de Docentes e Profissionais da Educação (INFORDEPE) que preparam as primeiras 45 unidades didáticas, em três níveis de proficiência, para a integração ao Portal. Timor-Leste é o quinto país da CPLP a aprontar unidades para este projeto comum de disponibilização de recursos didáticos para professores de português como língua não-materna, e junta-se assim a Angola, Brasil, Moçambique e Portugal com unidades que refletem diversos aspectos da vida cultural, bem como diferenciados usos da língua portuguesa no jovem país.

A.C. IILP

Sobre O IILP

Objetivos fundamentais: a promoção, a defesa, o enriquecimento e a difusão da língua portuguesa como veículo de cultura, educação, informação e acesso ao conhecimento científico, tecnológico e de utilização oficial em fóruns internacionais
Esta entrada foi publicada em Notícia. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s