Anunciamos que este blogue é um repositório de informações sobre a língua portuguesa, e que os conteúdos não são todos da responsabilidade do IILP.

Nota | Publicado em por

Unesco: Professor é crucial na mudança tecnológica

estudantesJovens de hoje já dominam celulares, computadores e tablets com enorme facilidade e têm fácil acesso a novas tecnologias, o que faz com que tenham expectativa de grandes mudanças na educação que esperam receber. Porém, essa transformação passa por investimentos muitas vezes na casa dos milhões de reais que precisam ser cuidadosamente estruturados.

Para ajudar no desenho de políticas públicas que respondam a essas questões e melhorem as condições de acesso das escolas e também as competências de docentes, a UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) divulgou na terça-feira (26), durante o seminário em parceria com a Fundação Santillana, o documento “Tecnologias para a transformação da educação: experiência de sucesso e expectativas”. O texto tem como objetivo analisar o impacto das mudanças na América Latina, os fatores de sucesso e traçar recomendações para políticos, gestores e professores. Sua elaboração é concentrada na escola para destacar o papel de cada ator (diretor, professor e aluno) como determinantes de sucesso ou fracasso de iniciativas, além de mostrar como a tecnologia possibilita mudanças pedagógicas capazes de impulsionar rendimento acadêmico.

De antemão, deixa claro que a simples compra de computadores e tablets de última geração ou a instalação de conexão à internet viabanda larga não serão nunca suficientes para conseguir replicar exemplos como ensino de ciências a partir da ciência forense (algo que já acontece no Brasil) ou programação para Arduino em um grande número de centros educativos ou de salas de aula, nem conduzirão automaticamente ao surgimento de mais desenhos inovadores de aprendizagem Segundo o texto, o desafio é garantir que esta tecnologia seja utilizada de modo eficaz para melhorar como e o quê os estudantes aprendem.
Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | Deixe o seu comentário

Finlândia apoia expansão do ensino bilíngue em Moçambique

alunos-mocambiqueO governo finlandês decidiu incrementar o seu apoio para a expansão do ensino bilíngue em Moçambique, através de uma contribuição adicional no valor de dois milhões de euros (cerca de 79 milhões de meticais ao câmbio corrente).

Com este montante, que será canalizado ao Fundo Comum de Apoio ao Sector da Educação (FASE), a contribuição anual da Finlândia vai atingir a soma de nove milhões de euros, para a expansão do ensino bilíngue em Moçambique em 2015, refere um comunicado de imprensa da embaixada daquele país nórdico, recebido pela redacção da AIM.

A Finlândia, que tem vindo a apoiar ao sector da educação em Moçambique desde 1997, aderiu ao FASE em 2003. Em Abril de 2015 deverá assumir a presidência deste fundo.

“Moçambique está a dar um grande passo para a frente ao expandir a oferta da educação bilíngue em 16 línguas para as crianças no ensino primário e a Finlândia quer apoiar, pois os mecanismos internacionais de avaliação já demonstraram que as crianças aprendem melhor quando estudam na sua língua materna”, disse Seija Toro, embaixadora da Finlândia em Moçambique, citada no comunicado.

Esta contribuição adicional será usada para a formação de professores, elaboração de livros escolares, entre outras iniciativas.

Oficialmente, a Finlândia é um país bilíngue conhecido mundialmente pela qualidade da sua educação. Aliás, tem sido classificado entre os melhores nas avaliações internacionais sobre a qualidade de ensino.

“Somos uma pequena população, de apenas 5,5 milhões de pessoas e com uma forte cultura de leitura”, explicou a embaixadora.

“As crianças devem primeiro aprender a ler e escrever bem na sua língua materna antes de poderem aprender outras línguas, por exemplo a língua portuguesa. Estamos bem cientes disso, porque na Finlândia temos de aprender muitas línguas na escola e isso só é possível depois de ter uma boa fluência em finlandês”.

Fonte: Rádio Moçambique (RM/AIM)
Publicado em Uncategorized | Deixe o seu comentário

Seleção de assistentes brasileiros de língua portuguesa

imagesA Embaixada da França no Brasil divulgou, no dia 21/11, o edital para seleção de assistentes brasileiros de língua portuguesa na França. O programa é aberto a todos os estudantes brasileiros, de 20 a 30 anos, matriculados em cursos de Licenciatura em Letras ou de qualquer outro curso na área de Ciências Humanas em uma universidade do Brasil. Saiba mais, clique aqui

 

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | Deixe o seu comentário

Diálogo de Culturas – “A língua portuguesa a Oriente. Que futuro?”

cultura-chinesaNo âmbito da celebração anual da Semana da Ciência e Tecnologia  começou hoje e segue até o dia 29 próximo,  a Semana da Cultura Científica no Museu da Ciência da Universidade de Coimbra, que inclui, dia 26, a jornada temática O Dia da China, dedicado ao tema “Diálogo de Culturas”.

O Dia da China, é uma iniciativa que tem como objetivo estimular e aprofundar a relação da Universidade de Coimbra com a República Popular da China (RPC). Como tal, o programa é composto por diversas atividades, abertas a toda a comunidade académica, inspiradas na tradição cultural chinesa. Realça-se, igualmente, o destaque dado ao ensino da língua portuguesa na República Popular da China, através do Colóquio “A língua portuguesa a Oriente. Que futuro?” que contará com a presença do Conselheiro Cultural da Embaixada da RPC em Lisboa.

Dia da China 2014 | Diálogo de Culturas
26 Novembro 2014
Universidade de Coimbra

Veja a programação

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , | Deixe o seu comentário

IV Congresso Internacional da AILP

top_banner

 

Associação Internacional de Linguística do Português Língua (AILP) convida a todos para o seu IV Congresso Internacional a ser realizado no Departamento de Português (DP) da Universidade de Macau.

Como há, em termos mundiais, uma grande lacuna de conhecimentos sobre a presença da Língua Portuguesa na Ásia em tempos pós-coloniais e de superdiversidade, uma das principais temáticas do encontro será essa. Nesse sentido, além da fundamental atuação de linguistas de diferentes áreas e de diferentes países, o congresso contará com as contribuições de palestrantes de contextos asiáticos: professores, pesquisadores, professores, diretores de Departamentos e de Institutos de Português. Será a primeira vez que estarão reunidos todos esses representantes de países asiáticos para discutir o Português que é usado, ensinado, pesquisado e promovido nesse lado do mundo.

Outro aspecto que o congresso quer destacar é a concepção do português como língua pluricêntrica. A onda mais recente de investigações socioculturais em e sobre a língua portuguesa, desenvolvidas na Ásia especialmente na Universidade de Macau, tem evidenciado novas marcas e tonalidades que evidenciam o português como uma língua transnacional. É insustentável falar em línguas puras, homogêneas, associáveis a um povo específico e faladas, com exclusividade, em um território circunscrito. Assim, o que sobretudo precisa ser sublinhado é a ideia de uma língua-legião: porque são muitas as línguas portuguesas. E como vêm sendo faladas por sujeitos com heranças linguísticas e culturais imprevisíveis, na Ásia e em outros espaços, vão sendo alimentadas, (re)criadas, e, assim, vão se manifestando saudáveis, mestiças, carregadas com as contradições dos seus falantes.

Este evento tem o apoio do IILP e será organizado a partir de conferências, mesas-redondas, simpósios e oficinas.

Confira a programação, clique aqui

 

Publicado em Uncategorized | Deixe o seu comentário

OIT e CPLP reafirmam a importância do plurilinguísmo como fator de progresso

MuragyMurade Murargy, Secretário-Executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), e Guy Ryder, Director-Geral da Organização Internacional do Trabalho (OIT) reforçam o compromisso para a continuação da parceria oficializada a 19 de Novembro de 2004, em torno de objetivos comuns.

No 10º aniversário da assinatura do Memorando de Entendimento entre as duas Organizações, começa  um período de celebrações que se prolonga até agosto de 2015, através da concretização de pelo menos uma iniciativa conjunta todos os meses.

OIT e CPLP reafirmam a importância do plurilinguísmo como factor de progresso e de paz e como elemento determinante do desenvolvimento das relações multilaterais e da democracia internacional.

O “Memorando de Entendimento” é um acordo de ordem geral. Trata-se de um instrumento que permite promover a língua portuguesa no seio da OIT e enquadrar futuros Protocolos entre as duas Organizações com vista ao desenvolvimento de programas conjuntos em áreas de interesse comum. Do lado da Organização Internacional do Trabalho, a elaboração e a implementação desses Protocolos será impulsionada pelo seu Escritório em Lisboa que tem exactamente como um dos seus eixos estratégicos de intervenção ser um interface entre a OIT e o mundo que fala português.

Já no próximo dia 2 de Dezembro, vai decorrer o lançamento da publicação “A Cooperação Sul-Sul e Triangular na CPLP: boas práticas na proteção social e no combate ao trabalho infantil”, na sede da CPLP.

A CPLP e a OIT fixaram o desejo conjunto de contribuir para um crescimento económico sustentável e para o desenvolvimento de todos os seres humanos, em condições de liberdade, equidade, segurança e dignidade humana.

Fonte: OIT Lisboa
Publicado em Uncategorized | Deixe o seu comentário

Interacção entre comunidades locais acontece apenas a nível básico

estudantesUm estudo de uma docente do Instituto Politécnico de Macau (IPM) e doutoranda da Universidade de Macau, tenta explicar a existência de um fosso entre as comunidades chinesa e portuguesa, onde se demonstra que a língua é o fator mais decisivo para isso. Saiba mais, clique aqui

Publicado em Uncategorized | Deixe o seu comentário